Que eu consiga transformar a dor do Caminho em coragem, exemplo, alegria, sucesso, realização, amparo, comunhão.

Que a dor não me tolha os movimentos e que eu não impeça a energia de fluir de mim para os outros e dos outros para mim,

Do etéreo para o físico e do físico para o etéreo.

Que eu consiga sempre criar a gratidão no meu coração

E viver cada dia com o melhor do que me é dado,

Com o melhor de mim mesma.

Que eu consiga ir para além do sofrimento,

Para esse lugar tranquilo que existe no meu coração

E que me mostra a plenitude, a outra dimensão das coisas,

Uma pequena perspectiva maior que esta realidade em que vivo.

 

publicado por an-dando às 10:16